Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Retorno do Cortejo da Cabocla fechou, com chave de ouro, nessa segunda, homenagens ao 2 de Julho, em JAGUARIPE

Por ANTONIO MASCARENHAS

Retornando na noite dessa segunda-feira, 02, ao local de onde saiu no dia anterior (ou seja, da Rua 2 de Julho,à praça histórica) em Jaguaripe, recôncavo baiano, o tradicional Cortejo da Cabocla, num evento protagonizado pela prefeitura municipal, através da  Secretaria de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, tendo por escopo  manter viva toda uma tradição que atravessa gerações e que escreve, a cada novo ano, uma página no contexto histórico nesse município que tanto contribuiu, através de sua gente, para todo um processo da Independência da Bahia. 

Dentre as personalidades presentes, mais uma vez, Péricles Silva  "Pepezinho" (vice-prefeito  que compartilha a gestão ao lado do prefeito Hunaldo Costa), Carlos Silveira (Secretário do Turismo, Cultura, Esportes e Lazer), Adé (presidente da Câmara), vereador Adilson e representantes de diversos segmentos da sociedade local que, juntos, percorreram as várias artérias da cidade, levando alegria e, naturalmente, fazendo com que toda uma chama cívica e cultural possa ter continuidade no seio da população que se regozija de suas origens e projeta um futuro de desenvolvimento em todas as esferas. 

Tal qual aconteceu na noite de ontem, durante o trajeto as pessoas foram engrossando o contingente que prestou tributo a essa representatividade histórico-cultural no município. Coube à Filarmônica da Lira Jaguaripense, novamente, através de sues acordes, dar o brilhantismo especial ao cortejo que, também atraiu moradores que, em frente às residências, apaudiam e se sentiam regozijados diante desse tributo aqueles que se dedicaram, direta ou indiretamente,  na luta em prol da Independência da Bahia. 

Lira Jaguaripense que, diga-se de passagem, sediou a realização de um forró, na noite desse domingo, com participação da contora Taty Brasivilly. Ela que, assim como o tem feito nos diversos municípios da região, animou os presentes, mostrando grande capacidade vocal. De parabéns, portanto, a administração municipal e, em especial, a Secretaria do Turismo, Cultura Esportes e Lazer por estar mantendo viva toda uma tradição, seja na cultura, seja no apoio ao desporto, bem como na implementação do turismo nesse receptivo município do recôncavo baiano. 

O município de Jaguaripe exerceu um importante papel no contexto histórico que contribuiu para a Independência da Bahia quando, através de sua privilegiada localização geográfica, conseguiu impedir a entrada de suprimentos às tropas que tentavam invadir a Baía de Todos os Santos e que, naturalmente, seriam beneficiadas com a entrada de suprimentos a partir do recôncavo. A cabocla representa toda uma luta, toda uma resistência dos baianos contra invasores.Essa simbologia remete ao passado mas, também desperta a população local para que se dê continuidade à luta por melhores dias.  

PLANTANDO SEMENTES

O Cortejo da Cabocla foi revestido, naturalmente, de muita plasticidade. Além do carro alegórico, pessoas conduzindo a carroça com tração humana (subindo e descendo ladeiras) tendo, incluive crianças abrindo alas através das cordas. Mas como manter essa cultura nas gerações seguintes? Simplesmente despertando nas crianças esse sentimento de postergação cultural. E é o que está sendo feito no município, através da atual administração e em especial, pela Secretaria do Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, sob o comando de Carlos Silveira. Ele que, durante todo o trajeto (de ida e retorno da Cabocla, demonstrou um carinho especial por essas crianças. Fotos, Antonio Mascarenhas (wwww.tvsaj.com.br). Veja mais fotos em LEIA MAIS e, TODAS, no link FOTOS, no topo desrte site.  Publicaremos vídeos no decorrer da semana. 

 


Categorias

Arte e Cultura Bahia Curiosidades

Enquete


PodCast