Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Produtores contemplados com importantes palestras nos Seminário A Modernização da Cacauicultura, no Bomfim, em S.A.JESUS

Por ANTONIO MASCARENHAS

Realizada, nessa terça-feira, 22, na comunidade do Bomfim, em Santo Antonio de Jesus, recôncavo baiano, o Seminário " A Modernização da Cacauicultura", num evento que contou com participação de agricultores dessa e de outras comunidades rurais do município, tendo por escopo transmitir informações e novas técnicas àqueles que já são detentores de áreas plantadas e aos que tencionam dar os primeiros passos nessa importante vertente produtiva.

Numa iniciativa da SECRETARIA DE AGRICULTURA E ABASTECIMENTO, de Santo Antonio de Jesus, capitaneada pela sua titular Fátima do Benfica, o evento contou, também, com participação de entidades parceiras, a exemplo da CEPLAC (Milton José da Conceição e Dalmar), BARRY CALLEBAUT (Thiago Santos e Selma), COOABRIEL (Luiz Vicente Thomaz), BANCO DO NORDESTE (Marcos Moreira), SETAF (Amanda), que, através de seus representantes, abrilhantaram se importante encontro. Também presentes, Dema do Leite (diretor de Agricultura) e outros funcionários da Secretaria.

Logo após a recepção e inscrições dos produtores, coube à FÁTIMA DO BENFICA, Secretária de Agricultura e Abastecimento, ao lado de toda equipe, composta por Dema do Leite, Cacau, Lili, Bruno, Débora, Ivana,Alessandra, Ronildo e Adenilson  e outros funcionarios dar boas vindas a todos para, em seguida, falar sobre os propósitos da atual administração em fomentar ações que incrementem a produção rural e que passam, também, pela diversificação de produção. E que a produção de cacau é uma alternativa que propicia alta lucratividade. 

PALESTRAS

Coube a MILTON JOSÉ DA CONCEIÇÃO (CEPLAC/Serex), iniciar a rodada de palestras. Discorrendo sobre a temática "Modernização da Cacauicultura", ele mostrou a importância das enxertias, significando redução de perdas, menor período entre plantio e início de produção e redução de perdas e maior produtividade. Elencou os diversos tipos de clones, destacando os que propiciam melhores desempenho; os que resistem mais às pragas e doenças, etc. Destacou que a tendência com relação aos clones pequenos (baixo vigor), resistência à monilha e vassoura de bruxa, espaçamentos menores nos plantios, uso de fertilização, uso de polinização e mecanização.

IVAN COSTA E SOUZA (CEPLAC/Serex), proferiu palestra audiviosual tendo por temática "Altas produtividades na cacauicultura'. De forma bastante humorada, utilizando-se de jargões tão conhecidos pelos produtores, mostrou a importância dos diversos procedimentos em busca de maior produtividade. Dentre eles, fez alusão à questão dos diversos tipos de sombreamento; quais os tipos de cacau que melhor se adaptam ao plantio a pleno sol e com sombreamento; fez alusão, também, aos principais tipos de clone.

MARCOS MOREIRA  (Banco do Nordeste), em sua fala, afirmou que a instituição tem dinheiro para custear projetos, todavia, é imperioso que os produtores estejam com documentação em dia e que, na maioria das situações, tenham fiadores. O banco poderá emprestar dinheiro para pagamento em até 10 anos, com juros de 5,5% e com car6encia de 4 anos para início do pagamento. Falou sobre os diversos tipos de financiamento, dentre eles o Pronaf. 

Em seguida, intervalo para o almoço. Oportunidade em que que os participantes, além de degustarem iguarias da culinária local, aproveitou o ensejo para bate-papos sobre agricultura e outros assuntos. Nessa louvável iniciativa da Secretaria, a parceria com tantas entidades é de fundamental importância para que resultados satisfatórios comecem a aparecer. Dificuldades existem, todavia, é preciso que se coloque "os pés na estrada" em busca de soluções. 

De volta do almoço, coube a THIAGO SANTOS (Gerente de Sustentabilidade da Barry Callebaut, a nivel Brasil, e da Indústria de cacau dessa multinacional, em Ilhéus), ele que se fez acompanhar nesse evento, de Selma (Gerente de compras da Barry em Mutuípe, Vale do Jiquiriçá), proferiu palestra sobre a temática "Sustentabilidade, mudas de cacau clonadas, compra de cacau convencional e tipos). Na sua fala, dentre outros aspectos, discorreu sobre as boas práticas para elevação da qualidade do cacau; falou da importância da genética, secagem, fermentação e armazenamento e procedimentos com relação à produção de mudas em viveiro situado em área contígua à indústria de Ilhéus. 

LUIZ VICENTE (COOABRIEL - Cooperativa Agrária de São Gabriel-ES), explanou palestra sobre a "Prospecção  de novos entrantes no café, análise de solo e folha". Na sua fala audiovisual, citou a importância da logística operacional que a COOABRIEL mantem com a BARRY CALLEBAUT na região, como estão se desenvolvendo os plantios de café e cacau na região de sua jurisdição; como deve ser feito análise de solos, como o café poderá se adaptar nos diversos tipos de solo e clima; os principais tipos de café cultivados na região e o que deve ser feito em busca de maior produtividade. 

VISITA AO CAMPO

Terminadas as palestras, representantes da parceria e produtores, foram convidados para visitarem "in loco" o viveiro e clonagem feitas na propriedade, na comunidade do Bomfim, de um dos produtores que participaram do evento. E, na oportunidade, Vicente (COOABRIEL), fez demonstração de uso do trado para colheita de amostras de solo para serem levadas ao laboratório para análises.Veja mais fotos em LEIA MAIS e, TODAS, através do link FOTOS, no topo do site. PUBLICAREMOS ENTREVISTAS, no decorrer da semana.

 

 

 

 

 


Categorias

Agricultura - Meio Ambiente Bahia Curiosidades Eventos Política Recôncavo

Enquete


PodCast