Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Produtores rurais, com apoio da Secretaria de Agricultura, visitaram propriedade com plantação bem sucedida de cacau e banana em São Felipe

Por ANTONIO MASCARENHAS

Produtores rurais de Santo Antonio de Jesus, por intermédio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, pasta sob a égide de Fátima do Benfica, na gestão municipal Rogério Andrade, visitaram, ao lado do Diretor Dema do Leite e do agônomo Bruno, a propriedde rural de Vicente Laurentino Neto, na localidade do "Bate Quente", em São Felipe-BA, oportunidade em que conheceram "in loco" experiência bem sucedida no plantio de cacau e banana. A visita surgiu à luz de uma iniciativa do técnico em agricultura, Robson Miranda (de Gandu) que, diga-se de passagem, vem prestando assessoria técnica nessa propriedade.

A busca de alternativas econômicas ao homem do campo é um desafios para muitos municípios deste país e não é diferente em Santo Antonio de Jesus que, por muitas décadas tinha sua economia centrada no plantio e comercialização dos derivados da mandioca e laranja. Com a  vertiginosa diminuição de mão de obra no campo e doenças no laranjal, decorrente da infestação da "mosca negra", a situação vem se agravando de forma paulatina. Sensível a essa situação a secretária em epígrafe vem, dentro do que é possível, arregaçando as mangas para levar aos produtores informações que, a curto, médio e longo prazos, possam mostrar "horizontes"a serem trilhados na hercúlea luta em prol da geração de emprego e renda. 

A visita dos produtores a essa propriedade que ostenta uma experiência que vem dando certo, numa realidade numa realidade climática que se assemelha a existente em S.A.Jesus, mostra que é sempre louvável essa queda de paradigmas. Vicente Laurentino, por exemplo, transformou toda uma área de pastagem para o plantio de cacau. Errou num primeiro momento por falta de experiência, por não ter plantado a bananeira com antecedência.O cultivo da banana já poderia estar subsidiando as despesas com o plantio do cacau. O importante é que o rumo foi corrigido em tempo hábil.  A partir do momento em que conseguiu apoio técnico, a situação mudou e os resultados já podem ser sentidos de forma bastante positiva.  ENTREVISTAS, NO DECORRER DA SEMANA. 

 

 


Categorias

Agricultura - Meio Ambiente Bahia Curiosidades Eventos Recôncavo

Enquete


PodCast