Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Evento debate sobre os desafios da mulher negra no mercado de trabalho

No próximo dia 30 (quinta-feira), a vereadora Ireuda Silva (PRB) conduzirá um bate-papo com estudantes sobre os desafios da mulher negra no mercado de trabalho. O evento está marcado para acontecer no auditório da Faculdade de Economia da Universidade Federal da Bahia (UFBA), na Praça da Piedade, a partir das 14h.

Durante o bate-papo, a republicana também narrará parte de sua experiência pessoal como mulher negra. “Só quem vive essa realidade na própria pele sabe como é ser mulher e, além disso, ser negra na Bahia e no Brasil. Somos duplamente discriminadas e a luta para conquistar espaço no mercado de trabalho e ter acesso a educação de qualidade é extremamente árdua”, avalia Ireuda. 

Uma pesquisa feita pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI) mostrou que, entre 2015 e 2016, as mulheres negras diminuíram seu rendimento de R$ 1.308 para R$ 1.248 e os homens negros diminuíram de R$ 1.663 para R$ 1.516, uma redução de 4,6% e 8,8%, respectivamente. Homens e mulheres brancas tiveram um rendimento de R$ 1.745 e R$ 1.345, respetivamente. 

“Mesmo sendo a cidade mais negra do Brasil, Salvador ainda mantém essa diferença absurda entre brancos e negros no que se refere à dinâmica econômica. Esse triste quadro é mais um reflexo do nosso racismo institucional”, acrescenta a vereadora.Tribuna da Bahia


Categorias

Bahia Comportamento Curiosidades Cursos, Concursos e empregos Economia - Negócios Mulher Opinião

Enquete


PodCast