Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Ser PAI: a necessária alquimia no dia a dia

Por ANTONIO MASCARENHAS

Não poderíamos deixar passar incolume o tradicional "Dia dos Pais"  que é comemorado, anualmente, no Brasil, no segundo domingo de agosto. Trata-se de uma data bastante esperada pelos comerciantes, na medida em que incrementam as vendas, principalmente, em hiper e supermercados, bem como estabelecimentos que comercializam artigos de uso pessoal e doméstico. Nesse contexto, toda uma mídia realizada tem por escopo não apenas parabenizar os genitores mas, também, fazer com que as parteleiras sejam, de fato, renovadas. Por outro lado, antes de qualquer apelo comercial, a comemoração por parte de famílias que valorizam a importância desse dia. 

Verdadeira "alquimia", no dia a dia de um "pai"

Reputamos que a missão de um homem que se predispõe a ser "pai" no sentido etmológico da palavra, tem que, necessariamente, perpassar a mera participação genética, decorrente da cópula, fecundação e oferecimento de condições materiais ao desenvolvimento de um filho. Mais que isso, a missão de um pai vai muito além: preparar seu filho para ser, literalmente, um cidadão, consciente de seus direitos e obrigações, numa sociedade plural e permeada de desigualdades. Nessa linha de pensamento, faz-se necessário que o pai coloque em prática uma verdadeira "alquimia" existencial, ne medida em que, a cada momento, tem que se atualizar (ou se reinventar) às novas tendências comportamentais sem que isso signifique, necessariamente, abrir mão dos princípios de  liderança. 

Exemplos norteadores

Há pais que não se interessam ou não se dedicam à criação dos filhos. Não os orientam, não os admoestam diante de eventuais posturas inadequadas. Pais que, na verdade, apenas procuram estabelecer "coexistência física", unicamente.  Obviamente, não há necessidade de utilizacão de expedientes que denotem uso de força física ou ações comportamentais agudas, coercitivas para a demonstração de liderança familiar. Lonje disso. O poder de persuassão funciona a contento no momento em que se estabeleça confiança mútua. Os exemplos comportamentais são bastante decisivos para que posturas sejam assimilidadas por parte dos filhos.. 

Os verdadeiros "tesouros"

Costumamos exteriorizar, àqueles que nos rodeiam, que a verdadeira felicidade é a que emana do seio familiar. Família que é, ndubitavelmente, a célula "mater" de nossa existência. O que adiantaria a sedimentação de "bens materiais" (carros de luxo ou não, propriedades suntuosas ou não) se não tivéssemos nosso ancoradouro, a família?! Filhos obedientes, conscientes de sua missão enquanto integrantes de um clã, deveras, robustecem, sem sombra de dúvidas a plenitude existencial. Inserção de imagens divulgação, Google. 


Categorias

Bahia Celebridades - Famosos Comportamento Curiosidades Opinião Recôncavo

Enquete


PodCast