Cidades


Notícias



Colunistas


Notícias

Saúde

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

Todo suco detox é benéfico, principalmente pra quem esta iniciando a reeducação alimentar, precisa desintoxicar o organismo para iniciar uma alimentação saudável e balanceada.  
O difícil é combinar os alimentos ideais, porque cada combinação tem sua função especifica e quando em contato com o nosso organismo provoca e desencadeia uma série de benefícios que por sua vez, vão provocar a perda de peso. 
Por que pepino? O pepino tem uma alta função hidratante, é pobre de calorias, composto de um grande percentual de água, é diurético e também rico em fibras. O limão é rico em vitamina C, possui função adstringente, acelera o metabolismo, possui função antioxidante e afina o sangue. Dois ingredientes simples, e bem comuns na cozinha, juntos podem ser grandes aliados da perda de peso. O pepino potencializa os nutrientes do limão e assim vice versa e é esse o segredo dessa combinação que atua diretamente na hidratação, limpeza e desintoxicação do organismo.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Hoje em dia existem mil e uma receitas esparramadas para todos os lados, todas prometem emagrecer, algumas parecem ser fantásticas e os resultados são bons, o fato é que as pessoas querem emagrecer, perder a barriga, e ter uma vida mais saudável. Se o seu propósito é esse, quero te dizer que você esta no caminho certo, e hoje você vai aprender mais um receita que depura 1kg por dia, ou seja, emagrece 1 kg ao dia.

O segredo dessa bebida é bem simples, ela elimina a retenção de líquidos, desinchando o corpo e desintoxicando orgãos como fígado, rins e intestino, rapidamente você vai emagrecer. A combinação da salsa e do limão é um casamento que os nutricionistas chama de perfeito, porque um limpa e desintoxica e o outro varre pra fora do organismo a gordura e é por isso que você emagrece rapidamente. Anota a receita…

Notícias | postado por: Mascarenhas

Fotografias de um parto realizado às pressas nos Estados Unidos se tornaram virais nos últimos dias. Jesica Wright Hogan e o marido correram, mas não conseguiram chegar até o quarto do hospital. Por isso, o pequeno Maxwell nasceu no corredor da emergência. O parto aconteceu em 24 de julho do ano passado, mas as imagens foram divulgadas apenas no último sábado (3), pela fotógrada Tammy Karin. Mãe de cinco meninas, Jesica contou que "desde o início, a gravidez de Max foi, no mínimo, imprevisível". Em uma postagem no blog da fotógrafa, ela contou que as contrações começaram em 19 de julho. Por volta de 5h da manhã, Jesica e o marido foram para o hospital. "Achamos que estávamos nos estágios iniciais de receber o último bebê da nossa família", afirmou.

Notícias | postado por: Mascarenhas

O Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus prorroga as inscrições para a área de fisioterapia na modalidade Cadastro Reserva. Os interessados devem até o dia 10 de fevereiro de 2018 enviar currículo para o email selecaohrsaj@gmail.com, informando no “assunto” a vaga pretendida ou entregar currículo na Portaria Administrativa da Unidade. É pré-requisito do Processo Seletivo o candidato ter registro do CREFITO-BA. O HRSAJ está localizado no endereço Rua Cosme e Damião s/n, Andaiá – Santo Antonio de Jesus – Bahia, CEP 44.570-000.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Mais de 65 mil baianos de Itaparica e Vera Cruz estão com a saúde mais protegida a partir desta segunda-feira (5), com a inauguração da sala de estabilização do Hospital Geral de Itaparica, entregue pelo governador Rui Costa. A unidade passou por uma reforma que incluiu as duas recepções, revisão da cobertura, pintura, pavimentação externa, limpeza da rede de esgoto, readequação do consultório pediátrico e outras intervenções. Rui também entregou uma ambulância para o hospital e visitou a Feira de Saúde, na porta da unidade, que atende à população até esta terça-feira (6). 

“Estamos hoje simbolicamente sacramentando uma nova era do Hospital de Itaparica, com a nova administração contratada da Fundação José Silveira. Esta é a primeira etapa, ainda há muito que ser feito nessa unidade e nós vamos fazer. Vamos seguir reformando o hospital inteiro”, afirmou o governador.

De acordo com a diretora-geral do hospital, Catarina Carreiro, no verão, o investimento de R$ 338 mil reais reforça também a qualidade do atendimento aos turistas, garantindo um atendimento melhor para cerca de 100 mil pessoas, entre moradores da ilha e visitantes. “Essa nova sala de estabilização melhora porque tem todos os recursos e novos aparelhos para o atendimento de emergência do paciente super-grave, com parada cardíaca”.  

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

A Prefeitura de Sapeaçu através da Secretaria Municipal de Saúde, Vigilância Epidemiológica, Equipe Saúde Bucal Municipal, Serviço Social do Comércio (SESC) e estagiários do Centro Educacional Maria Milza (CEMAM) e Centro de Formação Profissional Santa Cruz (CESAC) realizou nessa quinta-feira (01) uma série de serviços e atividade gratuitos na localidade de Quiamba de Lau.

Foram realizados aproximadamente 150 atendimentos como escovação supervisionada e aplicação com flúor, distribuição de kits de higiene bucal, aferição de pressão arterial, teste de glicemia, vacinação, palestras sobre higiene bucal e conscientização sobre a hanseníase, pinturas em rostos, desenhos para colorir, distribuição de preservativos e muito mais. A ação teve objetivo de disponibilizar ainda mais a população informações e serviços essenciais para promover uma vida mais ativa e saudável.

ASCOM – Prefeitura Municipal de Sapeaçu “Governo do Povo”Drica Dicastro
Jornalista & Social Media / DRT-BA 3693

Notícias | postado por: Mascarenhas

Dores fortes nas pernas é um sintoma que deve ser levada a sério e investigada com muito cuidado, isso porque em alguns casos elas podem ser causadas pela coagulação do sangue no interior das veias, uma das principais causas de Trombose Venosa Profunda (TVP). 

Diversas pessoas, após uma longa viagem, acabam sendo diagnosticada com a TVP do viajante, doença tão comum e pode dar sinais horas depois de voos que duram, geralmente, acima de 4 horas, provocando desconforto e dores persistentes. No mundo, a doença chega a ser responsável pela morte de um milhão de pessoas. No Brasil, segundo dados do Ministério da Saúde, estima que a cada mil brasileiros um ou dois podem apresentar a doença por diversos fatores. 

Em geral, pessoas que apresentam o problema alegam sentir dores fortes na perna e inchaço. No caso de viajantes de avião e de ônibus o risco é ainda maior, uma vez que permanecem grande parte da viagem sem movimentar as pernas, e, principalmente, a panturrilha fazendo com que diminua a velocidade da passagem do sangue dentro dos vasos sanguíneos. 

Notícias | postado por: Mascarenhas

O nosso sistema nervoso central (SNC) já foi considerado uma estrutura rígida e imutável mas após diversos estudos comprovou-se a sua plasticidade neural. Esta seria a capacidade que o SNC tem em modificar algumas das suas propriedades morfológicas e funcionais em resposta aos estímulos do ambiente. Sendo assim, consideramos que existe uma adaptabilidade do SNC às mudanças e lesões que venha a sofrer. Acreditando nisto a psicologia e outras ciências do comportamento humano acreditam que se o indivíduo sofreu um trauma, ou tem dificuldade de mudar a sua maneira de pensar e agir através de uma reestruturação cognitiva, ele pode modificar comportamentos não-adaptativos por adaptativos.

Nossa mente e nosso corpo estão intimamente ligados. Portanto na medida em que sentimos determinadas emoções ou nos submetemos ao estresse, eles reagem juntos.  A reação por sua vez pode desencadear em uma psicossomatização.

Quando estamos submetidos a um alto nível de estresse e dor, o nosso sistema nervoso simpático produz uma resposta de “luta ou fuga”, utilizando suas energias para se proteger de um perigo iminente, sinalizando para as glândulas liberarem cortisol e adrenalina, hormônios responsáveis por acelerarem os batimentos cardíacos, aumentarem o nível de açúcar no sangue e dilatarem os vasos sanguíneos. Assim, o corpo fica submetido a um estresse crônico ocasionando em um adoecimento.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Depois de oito anos se recusando a fazer cirurgia, costa-riquenha precisou realizar procedimento de emergência para eliminar tumor de 34 quilosDepois de oito anos evitando a cirurgia, a costa-riquenha Sonia López, de 57 anos, precisou encarar um procedimento de emergência para retirar um tumor gigante de seu ovário, que já havia sido responsável por aumentar em 80% seu abdômen e estava esmagando seus intestinos, fígado e diafragma.

Até então, Sonia, que já havia sido avisada sobre o tumor e as complicações cardíacas que ele poderia causar, não tinha feito a remoção por conta de “motivos pessoais”. No entanto, problemas respiratórios fizeram com que ela fosse encaminhada ao Hospital Mexicano, perto de San Jose, às pressas e fosse submetida à uma cirurgia de emergência na última segunda-feira (29).

O procedimento que envolveu cinco cirurgiões conseguiu ser bem sucedido e a equipe conseguiu remover uma enorme massa tumoral, que pesava mais de 30 quilos. Para o cirurgião Pablo Sibaja, que realizou a operação, esse trata-se do maior tumor já retirado de um paciente.

Notícias | postado por: Mascarenhas

A febre amarela pode ameaçar especialmente as crianças, que estão com o sistema imunológico ainda imaturo. Só que a vacina nessa faixa etária envolve algumas medidas e restrições – que foram abordadas em detalhe num novo documento da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP).

Pra começo de conversa, o texto reforça um ponto crucial: antes dos 6 meses de idade, nenhum bebê deve ser imunizado contra a febre amarela. Entre os 6 e os 9 meses, a injeção só é autorizada com a anuência de um médico e se realmente houver necessidade (se o pequeno, por exemplo, vive em uma área de alto risco de transmissão da infecção).
Além disso, os experts da SBP pedem atenção com a possível interação entre a vacina contra essa doença e outras que são tipicamente administradas na infância. Mais especificamente, o ideal é não oferecer o imunizante da febre amarela simultaneamente com a tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) ou com a tetra viral (sarampo, rubéola, caxumba e varicela) em pequenos com menos de 2 anos.

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

A Prefeitura de Santo Antônio de Jesus, através da Secretaria de Saúde, adquiriu 24 câmaras frias e 24 aparelhos de ar condicionado para equipar as Unidades de Saúde da Família (USF’s) do município. 
As 24 câmaras frias representam um investimento de aproximadamente R$ 326.166.00 (trezentos e vinte e seis mil quatrocentos e vinte e dois reais) e vão possibilitar mais segurança no armazenamento e conservação dos imunobiológicos.  


Cada câmara possui capacidade de armazenamento para oito mil doses, mantendo a temperatura entre 2ºc e 8ºc. Os equipamentos, construídos em aço inoxidável, possuem sistema de alarme para baixas e altas temperaturas e baterias recarregáveis que funcionam por até 48h e são acionadas na ausência de energia elétrica. Além de um sistema que realiza chamadas para até três números de telefone, sempre que a temperatura estiver em nível crítico. 
Foram adquiridas também novas caixas térmicas e biombos para as salas de vacina. Segundo a previsão da Secretaria de Saúde, os aparelhos começarão a ser distribuídos e instalados nas Unidades de Saúde nos próximos dias. 


Notícias | postado por: Mascarenhas

Quatro funcionários foram demitidos do Hospital Santa Izabel, em Salvador, porque apareceram em um vídeo dançando a música “Que tiro foi esse”, que se tornou hit no país na voz da cantora Jojô Todynho. A gravação foi feita dentro da unidade, sem autorização da administração do hospital. O vídeo acabou viralizando. De acordo com informações da assessoria de comunicação do Santa Izabel, os funcionários desligados eram maqueiros e foram demitidos na semana passada, sem justa causa. No vídeo, aparecem dois funcionários. Um deles está sentado em uma cadeira de rodas e é empurrado por um colega, enquanto a música toca ao fundo. Após o verso “Que tiro foi esse?”, o homem que está na cadeira se joga no chão. Logo em seguida, o outro maqueiro que aparece na imagem cai após o segundo 'disparo' da música.

Notícias | postado por: Mascarenhas

“De pouco adianta remediar homens com impotência se eles não adotam um estilo de vida minimamente saudável”, avisa o urologista Jorge Hallak, diretor da Clínica Androscience, em São Paulo. Essa tese foi reforçada por uma revisão de estudos da Universidade do Porto, em Portugal.
Ancorados em questionários respondidos por 478 voluntários (veja a versão simplificada abaixo), os cientistas notaram uma ligeira melhora no grau da encrenca entre os que apostaram em práticas aeróbicas como a corrida. “Essas atividades elevam a taxa de testosterona, que estimula a ereção e a libido”, diz Hallak. “Mas os benefícios teriam sido mais acentuados se os participantes ajustassem a dieta e evitassem o cigarro, por exemplo”, analisa.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Por Yuri Abreu

Cansaço, tontura, desmaios, palpitações, sensação de batimentos rápidos ou lentos; sensação de falhas nos batimentos cardíacos. Alguns desses sintomas você já deve ter sentido alguma vez em sua vida ou deve conhecer alguém com esse histórico. Se sim, fique atento, pois esses indícios podem estar relacionados com a arritmia cardíaca, um problema que acomete mais de 20 milhões de brasileiros e são responsáveis pela morte súbita de mais de 320 mil pessoas todos os anos. 

De acordo com o cardiologista Gilson Feitosa Filho, do Hospital Aliança, existem centenas de tipos de arritmias. “Por questões didáticas, uma das formas de dividí-las seria em bradiarritmias (as arritmias com frequência cardíaca lenta) e taquiarritmias (as arritmias com frequência cardíaca rápida). Também por questões didáticas, outra forma de dividi-las seria arritmias ventriculares (que se originam nos ventrículos do coração) ou arritmias supraventriculares (que se originam nos átrios do coração)”, explicou.

Notícias | postado por: Mascarenhas

O câncer, antes mesmo dos primeiros sintomas, começa a deixar rastros no sangue. Eles podem ser pequenos pedaços de DNA mutante flutuando em meio a glóbulos vermelhos e brancos, ou proteínas específicas. Cada tipo de tumor – há muito mais de cem deles – deixa vestígios um pouco diferentes. E agora estamos no caminho de identificar essas moléculas com um novo tipo de exame de sangue, anunciado na Science.

Quando aplicado a 1 005 voluntários com câncer diagnosticado, o teste identificou a doença e o órgão atingido em 70% dos casos – a taxa de sucesso variou entre 39% e 96% conforme o tipo. Tudo com um vidrinho do líquido, sem raio-x nem ressonância magnética.

Entre os tipos testados, estão alguns dos mais comuns: mama, pulmão, ovário, fígado, estômago, pâncreas, esôfago e reto. O método também foi testado em 812 pessoas sem a enfermidade para verificar o número de alarmes falsos. Foram apenas sete enganos.

Notícias | postado por: Mascarenhas

O Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ) promoveu, nesta terça-feira (23), o Simpósio de Atualização Contra Febre Amarela e Malária, doenças transmitidas pela picada de um mosquito infectado.

A reunião teve como objetivo agregar informações acerca das doenças epidemiológicas devido as suas gravidades clínicas. De acordo com o diretor médico da unidade, Wedner Costa, a ideia foi chamar atenção para a importância da prevenção, notificação, diagnóstico e tratamento adequados, além de abordar formas de controle e investigação de casos suspeitos.

O evento, ministrado pela médica Lívia Araújo, contou com a participação da sanitarista Rita Sauer, da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), e teve como público alvo os profissionais de saúde do hospital, incluindo médicos e residentes, além de representantes da Secretaria de Saúde de Santo Antônio de Jesus, do Núcleo Regional de Saúde e Conselho de Saúde do município.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Um menino de 10 anos sobreviveu mesmo depois de ter o coração atravessado por um espeto na cidade de Toritama, em Pernambuco. De acordo com informações do G1, o garoto caiu de uma escada em cima de um tonel onde estavam guardados equipamentos para churrasco. Ele foi atendido apenas em um hospital de Recife, a cerca de 170 quilômetros de onde aconteceu o acidente. A equipe médica que o atendeu classificou o caso como "milagre". “O espeto acertou em cheio o coração. Geralmente, em casos parecidos, os pacientes chegam aqui em situação gravíssima ou, realmente, nem chegam. Isso é uma situação muito rara. Poucas vezes, vimos algo assim. Eu nunca tinha visto. Foi um verdadeiro milagre”, declarou em entrevista ao G1. As médicas explicaram que o espeto fez o buraco e ao mesmo tempo tampou essa abertura. Por isso não houve sangramento. Qualquer tentativa de retirar o objeto poderia ter provocado um grave sangramento e o óbito do menino. “Fomos cauterizando o ferimento à medida que retirávamos o espeto. Tudo com muito cuidado”, disse Andrea Rolim. O garoto já deixou a UTI, mas ainda não há previsão de alta do hospital. Veja abaixo a foto do menino com o peito perfurado pelo espeto. A imagem é forte:Bahia Noticias

Notícias | postado por: Mascarenhas

Provavelmente você já engoliu água do mar em uma das vezes que foi à praia e decidiu dar um mergulho, certo? Embora às vezes isso seja inevitável, a ciência acaba de dar um bom motivo para você manter a boca bem fechada ao entrar no mar. Um novo estudo publicado no periódico científico Environment Internationalmostrou que engolir água do mar com frequência pode aumentar acontaminação por superbactérias.

Surfistas em maior risco
Em 2015, um estudo realizado por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de Exeter, no Reino Unido, concluiu que surfistas engolem muito mais água do mar do que pessoas que simplesmente realizam outras atividades no mar, como nadar. Para analisar as possíveis consequências disso, eles analisaram as bactérias do intestino de 300 pessoas, entre as quais metade tinha o hábito de surfar regularmente.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Quando comecei a organizar jornadas fotográficas em 2009 não pensei que o número de viajantes do sexo feminino seria tão superior ao de viajantes masculinos. Mas até mesmo meus modestos números durante os últimos nove anos comprovam: as mulheres viajam bem mais do que os homens – quase três de cada quatro dos meus viajantes são do sexo feminino, uma média de 72%.

Sem cair em generalizações ou clichês, existe um grupo de mulheres maduras e com independência financeira que está muito interessada em conhecer novas fronteiras, entender outras culturas e passar por experiências que talvez não tenha tido oportunidade de viver antes. Enquanto isso, os homens parecem estar mais ocupados com suas realizações profissionais e, se não estiverem aposentados, possuem pouquíssimo tempo disponível (ou até mesmo vontade) para descobrir o mundo. Existem exceções, mas que tendem a confirmar a regra.

Notícias | postado por: Mascarenhas

O uso de micro-ondas só na União Europeia emite tanto dióxido de carbono como quase sete milhões de automóveis, segundo um estudo exaustivo sobre o seu impacto ambiental, considerando o ciclo de vida completo do aparelho. 
Cientistas da Universidade de Manchester descobriram que os micro-ondas emitem 7,7 milhões de toneladas de dióxido de carbono por ano na União Europeia, o equivalente às emissões anuais de 6,8 milhões de automóveis.

Em toda a UE, os micro-ondas consomem uma estimativa de 9,4 terawatts por hora (TWh) de eletricidade a cada ano, o mesmo que a eletricidade anual gerada por três grandes fábricas de energia de gás.

Segundo os autores do trabalho, devem ser feitos esforços para reduzir o consumo e consciencializar as pessoas para o problema e para o uso dos eletrodomésticos de forma mais eficiente. Os micro-ondas representam a maior percentagem de vendas de todo o tipo de fornos na UE, com número que chegam quase a 135 milhões de 2020. Apesar disso, o seu impacto no meio ambiente não era, até então, conhecida. O estudo utilizou a avaliação do ciclo de vida (LCA) para estimar os impactos dos micro-ondas, tendo em conta a sua fabricação, uso e gestão do desfecho no final da sua vida útil.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Existe um ditado em Medicina de autor desconhecido que diz: “O meu problema é sempre pior do que o dos outros”. Portanto, se eu adquiri febre amarela, o pior problema do mundo é a febre amarela. Se eu tenho diabetes, o pior problema do mundo é o diabetes. Mas vamos deixar a individualidade de lado por um momento e pensar na esfera da saúde pública. Nunca vi tantas campanhas (merecidas, diga-se!) em jornais, sites, rádios e TVs alertando sobre os riscos da febre amarela. Nunca vi tanta informação sobre quem precisa se vacinar, os sintomas, as áreas de risco etc.

Ah, como eu gostaria que houvesse também uma vacina contra o diabetes! Na verdade, como eu gostaria que houvesse uma campanha tão exaustiva alertando sobre o diabetes nesse momento! Como eu gostaria de ver grandes movimentos pregando a prevenção e o controle da doença nos meios de comunicação… O diabetes é um mal silencioso, que não grita, não causa febre nem manchas pelo corpo. E mata! Sem contar que reduz a qualidade de vida. O número de suas vítimas é absolutamente maior do que o da febre amarela.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Há dois tipos de febre amarela, a silvestre e a urbana. Qual é a diferença entre elas?
A silvestre é disseminada pelos mosquitos Haemagogus e Sabethes, circulantes em matas, e não em cidades. A versão urbana é transmitida pelo Aedes aegypti, o mesmo da dengue, do zika e da chikungunya. Não há registro de febre amarelaurbana no Brasil desde 1942. As mortes de agora foram causadas pela versão silvestre, unicamente.

Existe a possibilidade dos mosquistos Haemagogus e Sabethes irem para a área urbana?
Não. Os mosquitos Haemagogus e Sabethes são de gêneros diferentes, mas tem comportamentos parecidos. Eles vivem em áreas de florestas densas, com vegetação abundante. Voam alto e geralmente ficam na copa das árvores. Sua fonte principal de alimentação é o sangue dos macacos que estão lá em cima. Ou seja, estão totalmente adaptados a hábitos silvestres que não vão encontrar na cidade.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Causada por um vírus, o herpes simplex 1 (HSV), essa infecção recorrente começa com um formigamento nos lábios e segue com uma coceira até que, finalmente, eclodem as bolhas. Por fim, elas se transformam em feridas.Estima-se que cerca de 90% da população mundial tenha o vírus do herpes alojado no organismo. Mas apenas de 10 a 15% manifesta os sintomas. Por quê? Brechas na imunidade.

A transmissão é feita por gotículas de saliva, beijo, objetos contaminados levados à boca e por aí vai. Por isso, é bem comum que o primeiro contato com o HSV aconteça ainda na infância.O inimigo invade o corpo, percorre a mucosa da boca e se instala em terminações nervosas, especialmente nos gânglios. Ele costuma ficar por ali sem causar incômodo. O ataque acontece quando as defesas do indivíduo estão enfraquecidas – em função de estresse, muita exposição ao sol ou quando o organismo está debilitado por gripe e resfriado, por exemplo.

Notícias | postado por: Mascarenhas


Com auditório lotado e a presença de colaboradores, prefeitos, vereadores, secretários e dos deputados Jurandir Oliveira e Antônio Brito, a Santa Casa de Misericórdia da Cidade de Nazaré celebrou neste sábado (13) a requalificação da enfermaria masculina e do Centro de Parto Normal. As melhorias foram realizadas com recursos da Cavalgada Nossa Senhora Aparecida, realizada em outubro do ano passado pelo Grupo Solidariedade, do Programa Sua Nota é um Show de Solidariedade e recursos próprios, que totalizam cerca de R$ 100 mil. A instituição filantrópica reinaugurou o CPN e a enfermaria masculina neste sábado (13).

Um dos momentos marcantes do evento foi a homenagem ao médico Edwaldo Lopes de Britto, que dá nome à enfermaria. Segundo a filha, Anita Brito, a Santa Casa foi, durante 61 anos, a sua segunda casa: “Sabemos da importância da Santa Casa para o nosso pai, era a sua segunda casa durante os 61 anos de dedicação, principalmente, aos menos favorecidos. Temos orgulho do homem que ele era e que continuará sendo para todos nós”, completou.  

O provedor Cleidson Prazeres aproveitou as presenças das autoridades e fez um apelo para o retorno das cirurgias eletivas do contrato com a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab): "Até o mês de setembro vínhamos com uma média de 200 cirurgias mensais. Desde outubro, com a mudança do formato de credenciamento via lista única, o Centro Cirúrgico encontra-se praticamente parado", disse o provedor. Informações à imprensa: Andrea Marnine

Notícias | postado por: Mascarenhas

Após a morte de 12 macacos contaminados com a febre amarela neste ano, a vacinação contra a doença foi reforçada em Salvador, conforme informou a Secretaria Municipal de Saúde (SMS). Do total de ocorrências, seis animais foram encontrados no bairro de Pau da Lima, dois no Subúrbio Ferroviário, outros dois na Barra, um no Cabula e outro em Itapuã.

Os símios não transmitem a doença e, assim como em humanos, são contaminados pelo mosquito Aedes aegypt em áreas urbanas. A morte serve como alerta para notificar a presença do vírus onde os primatas foram localizados.

A Vigilância em Saúde orienta que a população se direcione aos postos de vacinação para imunização, uma vez que a droga entra em ação somente após cerca de dez dias. Na Bahia, a imunização será fracionada, conforme decisão do Ministério da Saúde, anunciada na última terça-feira (9). 

Notícias | postado por: Mascarenhas

Promotores e procuradores iniciaram apurações em todo o país para averiguar a existência de superfaturamento em custos hospitalares. O objetivo é verificar possíveis ilegalidades nos valores repassados aos planos de saúde, especialmente se os hospitais participam de um esquema que encarece os convênios.Segundo a colunista Mônica Bergamo, os profissionais envolvidos na iniciativa são da Associação Nacional do Ministério Público do Consumidor (MPCon), órgão não governamental composto por servidores estaduais e federais que atuam na defesa do consumidor. Metro 1

 
 

Notícias | postado por: Mascarenhas

O escritor Dan Buettner percorreu o mundo para investigar as regiões em que o número de pessoas centenárias fugia da regra. Autor de 4 best-sellers sobre o tema, ele batizou essas áreas de zonas azuis e começou a esmiuçar o que os moradores delas faziam para viver tanto – e tão bem. “Entendi que ter um propósito de vida, um círculo de amizades saudáveis e viver em locais convidativos a caminhadas eram elementos tão importantes como uma boa dieta“, conta Buettner. “Mas também compreendi que a comida é a porta de entrada para uma vida melhor”, completa.

Diante desse raciocínio, ele elegou dez mandamentos para inspirar uma alimentação pró-longevidade. Esses pontos foram tirados de locais como a ilha de Okinawa (Japão), a cidade de Loma Linda (EUA), a península de Nicoya (Costa Rica) e as regiões da Sardenha (Itália) e Icária (Grécia). Confira em LEIA MAIS

Notícias | postado por: Mascarenhas

O ataque cardíaco mata mais do que o câncer de mama e, no sexo feminino, suas manifestações nem sempre dão pistas de que o problema está no coração.Sintomas clássicos: são os mesmos que aparecem nos homens
Dor no peito em aperto, que pode irradiar para o braço esquerdo, o pescoço, a mandíbula, o estômago e até as costas
Náusea
Vômito
Suor frio
Desmaio
Sintomas atípicos: mais frequentes no sexo feminino
Enjoos
Falta de ar
Cansaço inexplicável
Desconforto no peito
Arritmia
Como surgem os sintomas
Não existe uma regra para a forma como os sinais do infarto dão as caras. Eles podem tanto se manifestar todos juntos como surgir separadamente. Isso quer dizer que a dor no peito, por exemplo, pode tanto vir acompanhada de suor frio ou vômito como aparecer sozinha.

Quando me preocupar
O fato de você sentir uma dor no peito, um enjoo ou um cansaço não significa, é claro, que se trata de um piripaque no coração. De qualquer forma, é bom ficar atenta, principalmente se você se encaixa no grupo de risco para sofrer um ataque cardíaco. “Somente por meio de exames clínicos é possível saber se a pessoa está tendo um infarto. Por isso, o ideal é que, na dúvida, o paciente vá a um hospital”, orienta o cardiologista Cesar Jardim, coordenador do Clinic Check-Up do Hospital do Coração (HCor), em São Paulo.

Como sei se estou no grupo de risco?
Entre os fatores que aumentam a probabilidade de uma mulher sofrer um ataque cardíaco estão: hipertensão, diabetes, colesterol alto, sedentarismo, estresse, obesidade, histórico familiar e tabagismo. No caso desse último item, vale alertar para os casos em que o hábito de fumar é associado ao uso de pílulas anticoncepcionais. “Essa combinação é trombogênica, ou seja, propicia a formação de coágulos que podem entupir os vasos”, explica Jardim.

Outro ponto de atenção deve ser a menopausa, período em que a mulher perde a proteção vascular proporcionada pelos hormônios femininos, como o estrógeno. “Ele facilita a circulação do sangue pelas artérias e protege o endotélio, tecido que reveste o interior dos vasos”, esclarece o cardiologista Carlos Costa Magalhães, diretor de Promoção da Saúde Cardiovascular da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Notícias | postado por: Mascarenhas

João Pedro de Magalhães é um biólogo português que trabalha na Inglaterra e investiga o que podemos aprender com os genes e o organismo de animais que vivem muito. Pesquisador e líder do Laboratório de Genômica Integrativa do Grupo de Envelhecimento da Universidade de Liverpool, na Inglaterra, ele compartilha nesta entrevista suas ideias sobre as promessas da medicina para conter os efeitos da idade.

O envelhecimento é um processo que pode ser, digamos, curado?

Há um grande debate sobre essa questão, porque o envelhecimento em si não é reconhecido como doença. É algo natural, que acontecerá com todos. Por outro lado, se pensarmos que ele também é prejudicial, pois leva ao aparecimento de doenças – e que podemos intervir para prevenir isso -, então, sim, dá para pensar em uma cura no futuro. É um objetivo que ainda não estamos nem perto de atingir, mas daqui a 50 ou 100 anos, com a evolução da medicina, não há nenhum motivo para não acreditar que seremos capazes de atrasar ou interromper esse processo.

Notícias | postado por: Mascarenhas

O vício em videogames e em outras atividades ligadas ao universo digital vão entrar na Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados com a Saúde (CID, sigla em inglês).

A lista será atualizada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) após 28 anos e tem como objetivo definir transtornos mentais e incluir novos conceitos, para reunir, sob um mesmo padrão, as principais enfermidades e problemas de saúde pública.

Entre as principais alterações, está a inclusão na lista de transtornos mentais ocasionados por comportamentos obsessivos o "transtorno por jogos eletrônicos" (gaming disorder). Segundo a OMS, o uso em excesso de internet, computadores, smartphones e outros aparelhos eletrônicos, além do descontrole no uso dos consoles, cresceu de maneira drástica nas últimas décadas. No entanto, o tema ainda está sendo discutido por especialistas.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Depois de sofrer um acidente de esqui há quatro anos, o piloto Michael Schumacher gastou ao menos 28 milhões de euros em tratamentos médicos, quantia que equivale a quase R$ 110 milhões.O estado de saúde do alemão, que vive de modo vegetativo, é mantido em segredo pela família, de acordo com informações do jornal espanhol "AS".O heptacampeão mundial construiu um patrimônio avaliado em 840 milhões de euros (cerca de R$ 3,3 bilhões).

Ainda de acordo com a publicação, a família do piloto gasta em média 140 mil euros por mês para o pagamento de médicos, enfermeiros e cuidadores, além da estrutura para que o tratamento seja feito em casa.Schumacher teve ferimentos graves na cabeça em um acidente de esqui na França em 2013. Ele foi submetido e cirurgias diversas e vive hoje acamado e com sequelas.

Notícias | postado por: Mascarenhas

Uma nova forma poderosa de gonorreia foi um dos fatos que alarmou a área de saúde em 2017. Em agosto, a comunidade médica divulgou a internação de um paciente na Austrália, por causa da DST (Doença Sexualmente Transmissível) com a variação da bactéria, que tem maior resistência aos medicamentos para a doença. A descoberta resultou em um alerta de saúde no país e nas nações vizinhas. Clínicas de saúde sexual ficaram em alerta máximo, e o caso assustou cientistas e médicos em todo o mundo.

Na ocasião, o presidente da Sociedade de Saúde da Austrália, Edward Coughlan, disse que a maioria dos antibióticos desenvolvidos nos últimos 70 anos havia sido inútil no tratamento da infecção e não haveria formas novas opções de tratamento em um futuro próximo.

Resistência aos medicamentos

A gonorreia é uma doença antiga. Foi descoberta em 1879 e, agora, está criando resistência aos antibióticos. O que significa que ela está se fortalecendo. Foram detectados até então pelo menos três casos intratáveis por causa da resistência da bactéria aos medicamentos: um no Japão, um França e outro na Espanha.

De acordo com infectologista e diretor da SBI (Sociedade Brasileira de Infectologia), Marcos Antônio Cirillo, apesar de a bactéria ainda ser tratada com antibióticos antigos, se não houver uma mudança tanto dos medicamentos quanto da consciência da população, ela vai se tornar uma doença intratável.

— Existem novos medicamentos que estão sendo estudados, mas como antigamente a gonorreia não era uma doença como o HIV ou a hepatite C, que tiveram milhões de reais investidos em pesquisa, os estudos de novos tratamentos não avançaram com tanta rapidez ou eficiência. Ainda hoje, a bactéria pode ser tratada com antibióticos antigos, mas se não houver uma ação para combater a gonorreia, a possibilidade é que ela se torne uma doença intratável, como aquelas bactérias de hospital.

Sintomas e forma de transmissão

Dor, ardência ao urinar e corrimento são alguns dos sinais da gonorreia, que infecta a cada ano infecta 78 milhões de pessoas, segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde). 
Apesar de curável, se não for tratada, a DST pode causar infecção nas articulações, nos gânglios e em vários órgãos do corpo — nas mulheres, por exemplo, pode atacar o útero, levando à infertilidade.

O infectologista explica que a gonorreia é uma infecção provocada pela bactéria Neisseria gonorrhoeae, que atinge o órgão sexual tanto de homens como das mulheres. "A doença é transmitida pelo contato com a secreção por relação vaginal, anal e oral".

De acordo com o médico, caso a pessoa contraia a doença, os sintomas aparecem em até dez dias. Porém, na maioria dos casos, a bactéria já se manifesta no corpo em 24 horas. E são diferentes para cada sexo, diz o especialista.

— O homem acorda com o que nós chamamos de gota matinal: tem dor para urinar e corrimento. Já a mulher sente dor para urinar, tem corrimento amarelado que, muitas vezes, acham que é normal. A mulher pensa que vai menstruar, e não percebe que já pode estar com a infectada com a gonorreia.

Prevenção

De acordo com a OMS, a única maneira segura de prevenir a gonorreia é com sexo seguro, ou seja, com preservativo.

Notícias | postado por: Mascarenhas

A noite da última sexta-feira (15) entrou para a história da cultura santoantoniense com a estreia da peça "Auto de Natal dos Ciganos". O espetáculo, realizado pela Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Cultura, Turismo e Juventude, aborda de uma forma inovadora o evento mais famoso do mundo: o nascimento de Cristo. Misturando humor, música, drama e uma interpretação impecável, a peça lotou o Centro, após 30 anos sem uma apresentação teatral. 
O elenco, formado exclusivamente de atores da cidade, contou com a participação da atriz Fátima Carvalho, além dos atores Evandro Júnior, Iago Cunha, Leinha Almeida, Levi Gomes, Marcos Reis, Vinícius Benício e Wêrany Portugal. A direção do espetáculo e cenografia é de Ícaro Bittencourt, texto de João Augusto, direção musical de Denise Fersan e assistência de direção de Milena Dias. O elenco foi escolhido através de audições e representou uma família de ciganos que contam a sua versão do Natal. 

Notícias | postado por: Mascarenhas

Por ANTONIO MASCARENHAS

A Turma 2017.1 de alunos do Bacharelado Interdisciplinar em Saúde, da UFRB, em Santo Antonio de Jesus realizou, na manhã dessa quarta-feira, 06, mais uma atividade sob a coordenação das professoras Aline/ Ticiana Ramos, procedendo entrega de convites aos moradores, para participação no evento "SE ESSA URBIS 1 FOSSSE MINHA...O ESPETÁCULO", oportunidade em que será apresentado relatório com base nas vivências e aprendizagens adquiridas no processo de vínculo com a comunidade, no próximo dia 13, a partir das 17h. 

De parabéns, portanto, a turma em epigrafe, professores e a direção da UFRB por estarem indo de encontro à comunidade, no caso a URBIS 1, estreitando, assim uma relação que, inexoravelmente, servirá como parâmetro para esses futuros profissionais que, mais do que estarem nos consultórios, postos de saúde, clínicas e hospitais atendendo de forma "mecânica" os pacientes, estarão sendo mais sensíveis por terem vivenciado nessas interações comunitárias, a realidade do que acontece no "front". Hoje, e de há muito tempo, há profissionais médicos que atendem pacientes sem, sequer, olhar para os mesmos. Talvez porque não tiveram a oportunidade de terem experiências como essa. 

A professora Aline adiantou à Tvsaj que serão realizadas atividades na Urbis 1 durante o semestre do ano letivo 2017.2 (até março/2018), com o objetivo de pormover vínculo com a comunidade e discutir assunstos e questões relacionadas à saúde. Assevera que serão desenvolvidas ações integradas com os cursos de medicina e enfermagem, possibilitando, assim, atividades multidisciplinares que envolvam moradores da localidade. Foto, Antonio Mascarenhas (www.tvsaj.com.br)

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

A Prefeitura de Sapeaçu através da Secretaria Municipal de Saúde vem realizando várias ações para melhor os serviços da saúde pública municipal, dentre os vários avanços já registrados pela atual gestão, em 05 de setembro de 2017 foi realizada a reabertura do Centro Cirúrgico do Hospital Municipal de Sapeaçu (HMP). O centro cirúrgico municipal estava completamente abandonado há mais de 2 anos, foi necessário uma ampla reforma e aquisição de novos equipamentos para fazê-lo voltar a funcionar. “Vergonhosamente durante muito tempo não era realizado nenhum tipo de procedimento no centro cirúrgico da nossa cidade. Encontramos o centro cirúrgico assim como toda unidade hospitalar em péssimo estado. E hoje, depois que reformamos e adquirimos equipamentos com recursos próprios está perfeitamente adequado às normas do Ministério da Saúde e o melhor de tudo, atendendo a demanda da nossa população”, disse o prefeito Dr. George.

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

Na manhã desta sexta-feira (1), a Prefeitura Municipal de Santo Antônio de Jesus, através da Secretaria de Saúde, está promovendo um evento de conscientização relativo ao Dia Mundial de Luta contra a AIDS. Na ocasião, os profissionais de saúde do município, em parceria com o NASF, VIEP, Atenção Básica, CTA/SAE, VISA e outros órgãos, estão realizando palestras temáticas, testagem rápida de HIV, distribuição de preservativos e trabalhando temas como o preconceito sofrido pelos portadores do vírus HIV e formas de prevenção. Além dessas ações, a manhã será dedicada a avaliações nutricionais, atividades físicas, vacinação e um café da manhã para os participantes. A entrada é gratuita e aberta a todos os cidadãos.Ascom Prefeitura SAJ

Notícias | postado por: Mascarenhas

O Hospital Regional da Chapada começa a funcionar no domingo (3) com mutirão de cirurgias eletivas e livre atendimento ao público. Primeira unidade de saúde de alta complexidade da região da Chapada Diamantina, o hospital será inaugurado na sexta-feira (1) pelo governador Rui Costa. Foram investidos R$58 milhões na empreitada que terá atendimento de urgência e emergência 24 horas, 101 leitos, sendo 10 da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e centro cirúrgico, de bioimagem e ambulatório. O objetivo é ser referência para os 11 municípios da região, com atendimento assistencial de hospital geral. Serão atendidas urgências e emergências clínicas, cirúrgicas, obstétricas, pediátricas, traumato-ortopédicas e psiquiátricas. Os pacientes poderão ser assistidos e internados nas especialidades de clinica médica, cirúrgica, obstétrica e pediátrica, além de internação em unidade de terapia intensiva; atendimento ambulatorial mediante oferta de consultas especializadas e cirurgias ambulatoriais; procedimentos de diagnose e terapias (diagnostico em patologia clínica, anatomo-patologia, imagem, métodos gráficos e métodos ópticos e hemoterapia), além dos demais serviços de apoio assistencial e administrativo.Bahia Noticias. 

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

Graças ao trabalho sério da Prefeitura de Sapeaçu através da Secretaria Municipal de Saúde e parceria com o OdontoSesc diversas atividades com palestras sobre Saúde Bucal, orientações, escovação, aplicação de flúor, exibição de vídeo, roda de conversas, dinâmicas e distribuição de creme, escova e fio dental foram realizadas nas escolas da rede municipal de ensino. 

Assim como na sede, os alunos da zona rural do município também foram beneficiados com as ações de Saúde Bucal através da Unidade de Saúde da Família (USF) Jucélia Felizardo de Santana, localizado no Pacheco.  

O Governo do Povo acredita que a escola é um espaço ideal para o desenvolvimento de estratégias que promovam saúde. Com esse propósito esse trabalho não visa somente o tratamento curativo, mas também, aspectos educativos com a finalidade de obter um sorriso sadio nos estudantes. ASCOM – Prefeitura Municipal de Sapeaçu “Governo do Povo”. Drica Dicastro. Jornalista & Social Media / DRT-BA 3693

Notícias | postado por: Mascarenhas

Notícias | postado por: Mascarenhas

 

Uma pesquisa feita em Campinas (SP) com roupas íntimas - calcinhas, cuecas e sutiãs - encontrou 10 mil bactérias e fungos nas peças usadas, após várias lavagens, e contaminação também nas novas, recém-compradas. O risco para a saúde vai desde alergias até infecções graves e incontinência urinária.
O estudo, feito na Faculdade Devry Metrocamp, analisou 52 peças, sendo 27 novas - com contaminação em 85% por bactérias resistentes -, e 25 usadas - com risco de doenças em 92% delas. Mulheres e homens entre 20 e 55 anos participaram do estudo. Para idosos e crianças, os itens novos integraram as amostras e também geraram preocupação.
"A gente analisou o forro, a parte que fica muito mais em contato com o ânus e a região vaginal ou peniana. [...] Se a pessoa já tem uma predisposição, fez uma cirurgia ou está com uma ferida, pode desenvolver dias depois um desconforto. É uma irritação, uma ardência e isso pode levar a um quadro de infecção mais grave", afirma a doutora em ciência de alimentos, bióloga e pesquisadora Rosana Siqueira.

Pesquisa realizada em Campinas encontrou até 10 mil fungos e bactérias em roupas íntimas (Foto: Patrícia Teixeira/G1)

Peças usadas 
A falta de higienização correta foi a grande vilã da pesquisa. Nas calcinhas e cuecas usadas foi encontrado o maior número de micro-organismos - até 10 mil - responsáveis por causar corrimento, dor, febre, alergia, ardência, irritação na pele, infecções de urina graves, anais e penianas, além de inflamações.Representam risco ainda maior para quem possui hemorróidas e fístulas anais, em mulheres e homens."Mais de mil [micro-organismos] já é preocupante", diz Rosana. "Algumas mulheres têm muitas queixas com infecções de urina recorrentes e, às vezes, o problema está na calcinha. O mesmo para os homens, às vezes se queixam de dor", afirma Rosana.

Pesquisadora Rosana Siqueira analisa cuecas entre as roupas íntimas em estudo feito em Campinas (Foto: Patrícia Teixeira/G1)

Peças novas 
Nas peças novas vale o alerta para quem tem "preguiça" de lavá-las antes de usar, e também para quem as experimenta antes de comprar. A pesquisadora encontrou nas amostras de calcinhas, sutiãs e cuecas - compradas em lojas de shoppings e também em comércio de rua - até 250 bactérias resistentes.
"[Encontramos] Staphylococcus aureus, Staphylococcus saprophyticus e Candida albicans, que são micro-organismo que fazem parte da microbiota da maioria da população. Ou são provenientes do material utilizado, dos manipuladores, ou das pessoas que estavam ali para comprar. O novo não é sinônimo de segurança", diz Rosana.
O cuidado com os sutiãs é preciso principalmente nos casos em que a mulher amamenta - possui nos mamilos uma "porta aberta" com pequenas fissuras - ou passou por cirurgia de mama e está em fase de recuperação.
Os fungos e bactérias encontrados - entre elas a Escherichia coli - podem causar desde irritação na pele até furúnculo, inflamações nos mamilos, micoses e manchas. 

"Quando esses microorganismos conseguem penetrar na mucosa, aumentam a quantidade e podem cair na corrente sanguínea e afetar outros órgãos. Pode ser que não aconteça nada, mas se o sistema imunológico está debilitado, pode ser prejudicial", ressalta a bióloga.
 

Análise em roupas íntimas abrange peças novas e usadas em estudo de Campinas (Foto: Patrícia Teixeira/G1)

Infecções e transmissão de doenças
 
O ginecologista, obstetra e professor Carlos Tadayuki Oshikata, que atua no Hospital Celso Pierro da PUC de Campinas, alerta que, dependendo da paciente, as infecções urinárias podem atingir formas graves.
 

"Numa gestante, é a principal causa de trabalho de parto prematuro, em uma paciente idosa pode levar até a morte se ela for imunodeprimida", explica o especialista.
 
Oshikata relaciona o risco à falta de cuidado com a higiene da vagina, que possui proteção natural devido à sua acidez, mas fica vulnerável com o uso de roupas de material sintético e o abafamento da região, por exemplo.
"Isso faz com que haja uma proliferação de micro-organismos potencialmente patogênicos. A partir daí você vai ter uma infecção, que pode ser bacteriana ou fúngica. Uma vez que estabelece esse desequilíbrio na flora, vai predispor à infecção urinária", afirma o ginecologista.

Pesquisadora de Campinas colhe amostra em calcinha para verificar contaminação (Foto: Patrícia Teixeira/G1)

No caso dos homens, o chefe da urologia da Hospital da PUC, André Meirelles, pontua que há risco de transmissão de doenças se houver compartilhamento das peças íntimas, principalmente se a pessoa é portadora de doenças sexualmente transmissíveis. Mas, a ocorrência é remota. 

"Tem gente que não lava por dois, três dias. [...] No caso de hemorróida e fístula, tem sangramento, ter contato com o sangue de outras pessoas nunca é bom. [...] Uma roupa dessa tem que ser muito bem lavada, e se houve uma contaminação muito grande - sangramento, feridas com pus - tem que jogar fora", afirma o urologista 

Higienização ideal 
Segundo Rosana, o ideal é que as roupas íntimas não sejam lavadas com sabão em pó ou outros produtos durante o banho, como shampoo, mas com sabão neutro. Também é importante não misturá-las com outras peças de roupa e, principalmente, não deixar dias no cesto aguardando a lavagem. A contaminação se alastra. 

"A Escherichia coli , responsável pela maioria das infecções, dobra a população a cada 20 ou 30 minutos", afirma. 
Na hora de colocar para secar, vale cuidar para que as peças não estejam do lado do avesso, pois correm o risco de serem contaminadas por insetos. Antes do uso vale, ainda, um "choque" de temperatura.
"A maioria dos micro-organismos não é resistente a altas temperaturas. Não usar ferro a vapor, por conta da umidade", completa a bióloga.

Pesquisadora da Devry Metrocamp analisa peças íntimas em estudo de Campinas (Foto: Patrícia Teixeira/G1)

O ginecologista Carlos Tadayuki Oshikata ressalta, ainda, que a mulher deve se preocupar mais em manter a saúde da vagina como forma de proteção. Por exemplo, usar calcinha de algodão e até dormir sem calcinha, para manter o ambiente arejado.
"Em relação à higiene, mais em adolescentes e crianças pelo fato de não saberem se limpar, após a evacuaçãoo é comum a contaminação. A limpeza deve ser da vagina para trás", ensina.


 
 


Enquete


PodCast