Esfaqueador diz que queria ‘dar uma resposta, um susto’ em Bolsonaro