Grupos ateiam fogo na BR-101; atos não seriam de caminhoneiros, considera PRF