‘Com a faca e o queijo’: Ano será de barganha para prefeitos baianos, diz Eures Ribeiro